O valor do farmacêutico no Brasil

pesquisa-dia-do-farmaceutico


Neste janeiro de 2013, mês que comemoramos o “Dia do Farmacêutico” no Brasil, é importante refletirmos sobre o valor deste profissional em nossa sociedade. Recordo-me que o ano de 2012 foi muito intenso para quem é do setor ou trabalha para a cadeia produtiva. Os conselhos regionais e conselho federal trabalharam intensamente na busca pela valorização do farmacêutico; houve veto da presidente Dilma Rousseff na proposta de lei sobre a venda de medicamentos em supermercados – o que representou um ganho dos estabelecimentos de saúde gerenciados pelos farmacêuticos. Há, ainda, destaque do farmacêutico em grandes veículos de comunicação, sendo reconhecidos como uma das profissões mais promissoras no Brasil em 2013.

Observei, ainda, farmacêuticos próximos realizando sonhos com o aumento na renda, a promoção ao cargo almejado na empresa, o primeiro emprego, a primeira viagem ao exterior com colegas de pós-graduação, a primeira experiência em eventos internacionais, o primeiro título de especialização... Enfim, fatos que fizeram parte de minha rotina de trabalho no ano que passou.

Terminei minhas reflexões me perguntando: o que seria de mim sem àqueles profissionais que passaram anos de suas vidas, pesquisando e desenvolvendo fórmulas que me garantiram em determinado momento, a continuação de minha vida? Como eu poderia confiar em qualquer medicamento, se não houvesse aqueles profissionais que controlam, garantem, fiscalizam e certificam a qualidade do mesmo? Será que eu obteria sucesso e eficácia em meu tratamento sem a atenção e orientação daquele profissional presente em mais de 60.000 estabelecimentos de saúde espelhados pelo meu país?            

Estas perguntas e muitas outras que vieram como relâmpagos em minha mente me fizeram refletir e concluir: “Estou certo: o farmacêutico é muito importante e especial para minha saúde e na minha qualidade de vida!” Tenho a certeza de que não penso sozinho a este respeito. Afinal, quem nunca precisou de um medicamento e consequentemente de um profissional farmacêutico?        

 

Pesquisa Data Folha / ICTQ

No último mês de novembro de 2012, uma pesquisa sobre a opinião do consumidor de medicamentos no Brasil, executada pelo Datafolha, idealizada pelo ICTQ – Instituto de Pós Graduação para Farmacêuticos, perguntou aos brasileiros de todas as regiões do país: “Usando uma escala de 1 a 5, em que 1 é “nada importante” e 5 é “muito importante”, qual é o grau de importância que o profissional farmacêutico tem para a sua saúde?”

O resultado da pesquisa foi expressivamente positivo: 90% dos brasileiros entrevistados afirmaram que“o farmacêutico é importante para nossa saúde.” Destes, 68% apontaram o profissional farmacêutico como “muito importante” e outros 22% indicaram-no como “importante”.

Muito além de minha reflexão, opinião e respeito pessoal que tenho pelo profissional farmacêutico, os índices dessas estatísticas inéditas que a pesquisa nos apresenta refletem uma verdade: Nós brasileiros, acreditamos na importância e no valor de um farmacêutico como profissional que também cuida de nossa saúde. 

Esta claro que o farmacêutico, que tem um compromisso com a sociedade brasileira, é provedor de cura, um amigo que orienta – um profissional que trabalha todos os dias em prol de nossa qualidade de vida. Por isso, neste próximo dia 20 de janeiro de 2013, em nome do ICTQ e de todos que compartilham de minha opinião, desejo dizer a todos os farmacêuticos do Brasil: Obrigado por também cuidar de nossa saúde e melhorar nossa qualidade de vida!

 

Metodologia da pesquisa Datafolha / ICTQ

 A pesquisa do Instituto de Pesquisa Datafolha / ICTQ, sobre o perfil do consumidor de medicamentos no Brasil, foi realizada em 12 capitais brasileiras, entre os dias 06 e 07 de novembro de 2012. Foram ouvidas 1.611 pessoas, entre homens e mulheres, com 18 anos ou mais. A pesquisa quantitativa realizou-se em pontos de fluxo populacional, com abordagem pessoal e individual dos entrevistados – mediante a aplicação de um questionário com 18 minutos de duração.

 

Marcus Vinicius Andrade

Marcus Vinicius Andrade


Administrador de Empresas, diretor executivo e sócio-fundador do ICTQ – Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade.
 

Comentários  

# Jane Bueno 08-01-2013 21:17
Compartilho este dado da Pesquisa - A importância do Farmacêutico na sociedade brasileira; de fato um profissional que trabalha em busca da qualidade de vida de todos nós!
# Lucia Helena 11-01-2013 11:04
Esperamos que o Governo continue no incentivo e reflita sobre dar mais condições ao empregador para investir na "educação continuada" destes profissionais, que em pesquisa,compro vadamente são de suma importância para prevenção, controle e promoção à Saúde. O reconhecimento já é um grande passo, mas precisamos de mais ações na área da Educação.