Diferenças entre medicamentos


 

O Ministério da Saúde determina quais medicamentos devem ter uma faixa (vermelha ou preta) em sua embalagem, o que significa a necessidade da apresentação de uma receita médica para a venda ao consumidor.

 

Esses medicamentos com embalagens com faixa (vermelha ou preta) somente devem ser prescritos e usados sob orientação médica, já que destinam-se a quadros clínicos que exigem maior cuidado e controle.

Medicamentos sem faixa na embalagem podem ser tomados e adquiridos sem prescrição
médica. Destinam-se a situações corriqueiras, onde sintomas leves podem incomodar, e, em geral, praticamente são destituídos de efeitos adversos importantes.