Anvisa suspende Cosméticos, Saneantes e Lote do Medicamento Standor

suplemento suspenso anvisa


Medicamento Standor ® tem lote suspenso pela Anvisa

Anvisa suspendeu  a distribuição, comercialização  e uso, do lote 1224475 do medicamento Standor ®, ácido mefenâmico, 500 mg, comprimido válido até (09/2016).

A determinação ocorreu após a empresa União Química Farmacêutica Nacional S.A, fabricante do produto; comunicar o recolhimento voluntário em razão da presença de amostras danificadas no interior de blisteres do lote citado.

A  Anvisa  determinou  que a empresa  promova o recolhimento  do  estoque existente no mercado.

 

Medicamento Rialcool 70 antisséptico tem lote suspenso pela Anvisa

A Anvisa suspendeu a distribuição, comercialização e uso do lote R1401087 do medicamento RIALCOOL 70 ANTISSÉPTICO, álcool etílico, com validade até março de 2017.

A Indústria Farmacêutica Rioquímica Ltda, fabricante do produto, informou o recolhimento voluntário do lote após constatar presença de partículas em suspensão e alteração no aspecto.

 

Medida cautelar gera interdição de desinfetante Nevergrey

A Anvisa determinou a interdição cautelar do lote  480 do desinfetante pronto para uso geral Nevergrey – Toque  de Amor, o saneante é valido   até 09/2015.

O produto fabricado por Nevegrey Indústria e Comércio de Produtos de Limpeza Ltda., apresentou resultado insatisfatório nos ensaios de rotulagem e teor tensoativo catiônico para o lote citado.

A interdição cautelar é uma medida preventiva e temporária que vigorará pelo prazo de noventa dias. E enquanto a Anvisa aguarda o resultado  de análise  definitivo, é sugerido que os consumidores deste produto suspendem o uso até a decisão final da Agência.

 

Dois lotes do produto loção cremosa jovem com aloe vera são suspensos pela Anvisa

A Anvisa determinou a suspensão da distribuição, comercialização e uso dos lotes 0001/15 (Val.: 13/01/2018) e 0002/15 (Val.: 18/01/2018) do produto LOÇÃO CREMOSA JOVEM COM ALOE VERA.

A loção, que é fabricada por Divon do Brasil Indústria de Cosméticos LTDA., apresentou resultados insatisfatórios nos ensaios de Teor de Chumbo. A informação consta do Laudo de Análise Fiscal emitido pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS).

A Agência decidiu ainda que a empresa deve promover o recolhimento do estoque do produto existente no mercado.

 

Cosméticos fabricados sem registro estão suspensos pela Anvisa

A Anvisa determinou a suspensão da fabricação, divulgação, comercialização e uso dos produtos DR BEE PRODAPYS, DR PROPOLIS PRODAPYS E MELITINA CREME FACIAL PRODAPYS.

Os cosméticos fabricados pela empresa Apis Nativa Produtos Naturais Indústria e Comércio Ltda. não possuem registro, notificação ou cadastro na Agência.

Além da suspensão, a Anvisa decidiu ainda que a empresa deve promover o recolhimento do estoque dos produtos no mercado.

 

Fonte: Anvisa