Lote de antirretroviral Kaletra é suspenso por validade incorreta

medicamento suspenso


A Anvisa determinou nesta terça-feira (28/6) a interdição de três lotes do antirretroviral Kaletra, fabricado pela Abbvie Farmacêutica Ltda. A medida é válida para os lotes 1037186, 1042956 e 1055165 do Kaletra 100/25 mg de 60 comprimidos.

O motivo da suspensão foi a identificação de um erro na impressão do prazo de validade do produto. O Kaletra tem validade de 24 meses, mas nos lotes suspensos essa validade saiu com 36 meses.

O medicamento composto pelos princípios ativos lopinavir e ritonavir é um antirretroviral utilizado principalmente no tratamento contra o HIV.

A Anvisa também determinou que a empresa faça o recolhimento dos lotes do mercado. A comunicação do erro foi feita pela própria empresa.

A medida está na Resolução RE 1.676/2016 (http://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?jornal=1&pagina=33&data=28/06/2016), publicada na terça-feira (28/6), no Diário Oficial da União (DOU).

Fonte: Anvisa