Drogasil tem crescimento recorde em 2010

drogasilVendas brutas registraram aumento de 16,8% em 2010, enquanto o EBITDA obteve crescimento de 21%, totalizando mais de R$ 143 milhões


A Drogasil, uma das maiores redes de farmácia do país e a primeira do varejo farmacêutico a ingressar no segmento Novo Mercado da BM&FBovespa, fechou 2010 com crescimento em vendas brutas de 16,8%, total de R$ 2,089 milhões. O EBITDA apresentou crescimento de 21% em relação ao ano anterior, totalizando R$143,5 milhões, margem de 6,9% em relação às vendas brutas (7,1% da Receita Líquida de vendas). O lucro líquido alcançou R$ 89,015 milhões, superando em 19,3% o resultado de 2009.

A Drogasil apresenta constante evolução em sua performance de vendas. Alguns fatores contribuíram para este avanço:

- Do total da receita bruta de 2010, 71,3% foram originados pela venda de medicamentos e 28,7% por não medicamentos. O segmento não medicamento cresceu na composição da receita bruta da empresa em 1,4%. 
- Crescimento no índice Vendas Mesmas Lojas de 11,0% em 2010.

Segundo Claudio Roberto Ely, CEO e Diretor de Relações com investidores da Drogasil, 2010 foi um ano de realizações para a empresa. "Em 2010, aumentamos o ritmo de abertura de lojas com a inauguração de 57 novas lojas, atingindo um total de 338 operações em seis estados brasileiros e 88 municípios. O período ainda marcou nossa entrada no Rio de Janeiro, na sequência da trajetória de adicionar a presença da Drogasil à um novo estado do Brasil. A expansão da rede de lojas Drogasil representou um crescimento de 20,1% sobre o exercício de 2009. Reformamos ainda 54 lojas, adaptamos nossa rede de lojas às exigências determinadas pela Anvisa, ou seja, o layout foi reformulado para expor os medicamentos isentos de prescrição atrás do balcão. Além disso, iniciamos a operação do segundo centro de distribuição em Contagem (MG) e tudo isto alcançado com expansão de margem EBTIDA e retorno sobre vendas de 4,3% em 2010", destaca Ely.