hpv vacina

Confira a nota do CNS em defesa da Anvisa

 

 

NOTA PÚBLICA: CNS apoia indicação da Anvisa para vacina contra Covid-19 Pfizer/Wyeth em crianças de 5 a 11 anos

 

Considerando a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em aprovar, no dia 16 de dezembro de 2021, a indicação da vacina Comirnaty, desenvolvida pela Pfizer/Wyeth, para imunização contra Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos de idade, a partir da análise técnica criteriosa de dados e estudos clínicos conduzidos pelo laboratório que indicam que a vacina é segura e eficaz para o público infantil;

Considerando que a Anvisa, enquanto órgão de Estado integrante do Sistema Único de Saúde (SUS), desempenha o seu papel de promover e proteger a saúde da população por meio da atuação de uma equipe de trabalhadoras e trabalhadoras capacitados e autônomos tecnicamente;

Considerando que, segundo a Anvisa, o olhar de especialistas externos foi um critério adicional adotado pela agência para que o uso da vacina por crianças fosse aprovado dentro dos mais rigorosos critérios, utilizando, para isso, o conhecimento de profissionais médicos que atuam no dia a dia com crianças e imunização;

Considerando a nota publicada, no mesmo dia 16, pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), na qual o órgão:

Manifesta apoio à decisão da Anvisa e aguarda posicionamento do Ministério da Saúde quanto à sua aquisição das doses adequadas que terão frasco e composição diferente da dos adolescentes e adultos;
Destaca o alerta da Organização Mundial da Saúde (OMS), que aponta que o público entre 5 e 14 anos é o mais afetado pela nova onda de Covid-19 na Europa e, apesar do menor risco em relação a outras faixas etárias, nenhuma outra doença imunoprevenível causou tantos óbitos em crianças e adolescentes no Brasil em 2021 como a Covid-19, e
Destaca que o imunizante já foi aprovado para esta faixa etária pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA), pela Agência Americana Food and Drug Administration (FDA) e pelo governo de Israel.
Considerando que a pandemia ainda não acabou e a completa vacinação de toda a população brasileira é urgente, visto que quanto mais pessoas estiverem protegidas contra a covid-19, menores são as oportunidades de surgimento de mutações e variantes e maiores são as chances de diminuição dos riscos de transmissão do vírus na comunidade.

 

O CNS vem a público:

Manifestar apoio à Anvisa pela aprovação da indicação da vacina desenvolvida pela Pfizer/Wyeth para crianças da faixa etária de 05 a 11 anos;
Manifestar o seu reconhecimento e aplausos aos trabalhadores e trabalhadoras da Anvisa que desempenham as suas atividades de forma técnica e comprometida com a promoção e proteção da saúde da população brasileira e com o fortalecimento do SUS;
Exigir do Ministério da Saúde as providências cabíveis para que a vacinação das crianças da faixa etária de 5 a 11 anos contra a Covid-19 tenha seu início o mais rápido possível, para que mais vidas sejam salvas no nosso país.
Brasília, 20 de dezembro de 2021

 

Conselho Nacional de Saúde