depressao pos parto 

Com o apoio das farmacêuticas Abbvie, Janssen, GSK, Novartis e Pfizer, iniciativa visa antecipar diagnósticos e tratamentos para minimizar ou eliminar dores que acometem mais de 15 milhões de pessoas no Brasil, entre crianças, jovens e adultos.

 

 

As doenças reumáticas acometem mais de 15 milhões de pessoas no país e podem afetar o aparelho locomotor – articulações, ossos, músculos, cartilagens, tendões e ligamentos. Ao todo, os distúrbios reumáticos compreendem cerca de 120 doenças, que, na maioria delas, se expressam por dor, inchaço e rigidez nas articulações.

Para conscientizar a população sobre diagnóstico precoce, para melhor qualidade de vida dos pacientes e curso mais otimista das doenças, a Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR) inicia uma campanha de atenção às doenças reumáticas, com o mote “Reumatologista. Comprometido até os ossos com seu bem estar.”

"A campanha quer mostrar à população a importância de não perder tempo no diagnóstico e tratamento dessas enfermidades, o que implica em sofrimento e dor para o paciente. A rapidez na identificação da doença reumática é fundamental e, para isso, o papel do especialista é crucial", diz o presidente da SBR e professor titular da Faculdade de Medicina da UFRGS, Ricardo Xavier.

 

Novos Conceitos

A campanha – que conta com o apoio das farmacêuticas Abbvie, Janssen, GSK, Novartis e Pfizer – visa também desmistificar alguns conceitos erroneamente disseminados na população, como associação com idade ou gênero: a doença reumática não afeta (somente) idosos; acomete qualquer pessoa, seja criança, jovem e adulto de qualquer idade; homens e mulheres.

Artrose, artrites, lombalgias, fibromialgia são algumas das doenças reumáticas mais frequentes. Para saber mais, acesse é e siga a SBR em suas redes sociais, @reumatologista