Recentemente a Anvisa notificou alguns marketplaces como Magazine Luiza e Mercado Livre, após constatar que havia venda de medicamentos. Agora foi a vez da Anvisa notificar o Facebook por constatar que estava acontecendo divulgação e vendas de medicamentos dentro da rede social.

A medida proibe a veiculação de qualquer tipo de medicamento, mesmo farmácias regularizadas não podem fazer publicação anunciando medicamentos na rede. Confira a resolução:

 

Resolução Específica nº : 03211/2019

Data de publicação : 14/11/2019
Empresa: Facebook Serviços Online do Brasil Ltda
Produto: TODOS OS MEDICAMENTOS
Ações de fiscalização:
Proibição da comercialização
Suspensão da Divulgação

Observação: MEDIDA PREVENTIVA. Ações de fiscalização: proibição da comercialização e da propaganda.

Motivação: Comprovada a comercialização de medicamentos no site www.facebook.com, em desacordo com os arts. 52, 53, 54, 55 e 58 da Resolução da Diretoria Colegiada - RDC nº 44, de 17 de agosto de 2009.

 

 

Leia também: Ministério público apura divulgação de medicamentos abortivos no Facebook