anvisa agencia nacional vigilancia santiraria

 

Jair Bolsonaro indicou o contra-almirante Antonio Barra Torres para a vaga de diretor da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A vaga está ociosa desde desde julho de 2017, quando se encerrou o mandato do Jarbas Barbosa.

Esta é a segunda  indicação do presidente para a diretoria da agência reguladora. A primeira foi em fevereiro quando indicou  o general de Brigada Médico Paulo Sérgio Sadauskas e depois de um mês retirou a indicação feita.

 

Mensagem publicada em D.O.U: Nº 216, de 29 de maio de 2019

Encaminhamento ao Senado Federal, para apreciação, do nome do Senhor ANTONIO BARRA TORRES para exercer o cargo de Diretor da Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA.

 

Sobre Antônio Barra Torres

Antônio Barra Torres é formado em medicina e atua como cirurgião cardiovascular, é natural do Rio de Janeiro e já ocupou a direção do Centro de perícias Médicas da Marinha do Brasil.  A sabatina no Senado ainda será marcada.

antonio barros torres anvisa

 

Sobre a diretoria da Anvisa

A Anvisa é dirigida por um colegiado de cinco diretores com mandatos de três anos não coincidentes entre si, sendo um dos membros designado por decreto do presidente da República para presidir o órgão.

A Anvisa é dirigida por uma diretoria colegiada composta por cinco integrantes com mandatos de três anos, cujo começo e término não são coincidentes entre si. Os dirigentes são sabatinados pelo Senado Federal antes de sua nomeação e têm estabilidade durante o período do mandato. Dentre os cinco, um é designado por decreto do Presidente da República para exercer o posto de diretor-presidente. As decisões são tomadas em sistema de colegiado, por maioria simples.

Atuais diretores da Anvisa: William Dib, Alessandra Bastos, Fernando Mendes Garcia Neto e Renato Porto.

Fábio Reis
Author: Fábio ReisWebsite: https://linkedin.com/in/fabiolreis
Fundador do Pfarma. Possui registro como Jornalista MTB 39014/RJ e Farmacêutico CRF-RJ 14376.