farmaceutico clinico aids

 

A Clinicarx, plataforma online presente em mais de 4,5 mil pontos de 800 municípios, quer reforçar sua missão de democratizar o acesso a serviços farmacêuticos no Brasil. Com essa proposta, a startup deu início a um projeto gratuito para viabilizar que farmácias comunitárias, independentes e de manipulação ofereçam essas soluções a seus clientes.

Intitulado Plano Free, o programa foi lançado há pouco mais de um mês e já registrou a adesão de 600 estabelecimentos. “Disseminar a assistência farmacêutica é fundamental para melhorarmos a atenção primária de saúde no país. As pequenas farmácias são parte fundamental desse processo, mas precisam de apoio externo para colocar essa operação em prática”, avalia o fundador da Clinicarx, Cassyano Correr.

O novo plano garante a adoção de serviços básicos como medição de pressão arterial, aplicação de injetáveis, exame de glicemia, perfuração de lóbulo e testes rápidos, incluindo os da Covid-19. Também possibilita analisar custos e receitas da operação, realizar prescrições farmacêuticas com uma base de medicamentos já cadastrada, além de ter uma Declaração de Serviços Farmacêuticos automatizada e personalizada.

A farmácia também passa a ter a tecnologia como aliada. A plataforma mantém algoritmos inteligentes baseados em diretrizes e protocolos clínicos. Com isso, é possível emitir relatórios e interpretar, em tempo real, informações que auxiliam os farmacêuticos a tomar decisões relacionadas ao tratamento do paciente.

O estabelecimento conta ainda com um aplicativo mobile para pacientes. Além disso, a ferramenta abre espaço para a capacitação dos profissionais da loja, por meio de cursos exclusivos com certificação da plataforma de Educação a Distância (EaD) CRx University. A adesão requer somente um simples cadastro, sem a necessidade de registrar cartão de crédito ou pagar alguma taxa.

 

Casos de sucesso

Em abril de 2021, o proprietário da Farmais Popular, Silva, aderiu à plataforma. Sua ideia era ampliar a frequência na loja situada em São Luís (MA) por meio dos serviços farmacêuticos. No período de apenas dois meses, superou a marca de 900 atendimentos e 80% dos pacientes regressaram à farmácia para dar continuidade ao tratamento de saúde. “A assistência farmacêutica fideliza o cliente e ainda permite desafogar hospitais, clínicas e prontos-socorros”, acredita.

Na Attive Pharma, farmácia de manipulação localizada em Campo Grande (MS), esses serviços já totalizam 45% do faturamento. A farmácia foi a primeira do Brasil a executar a testagem de anticorpos para a detecção da Covid-19. “Nosso laudo explica detalhadamente o resultado, o ciclo da doença e as orientações necessárias caso o resultado do teste seja positivo”, afirma a diretora Flavia Buainain.

Outra farmácia que aderiu a esse modelo foi a PharmaReal, localizada em Conselheiro Lafaiete (MG). “Além de garantir um atendimento personalizado e aumentar a receita média mensal em 40%, a plataforma ajudou a profissionalizar a operação e valorizar o papel do farmacêutico”, explica o proprietário Alan Rezende.