sirio libanes

 

 

 

Segundo a assessoria do Hospital Sírio-Libanês 104 funcionários foram afastados imediatamente depois que testaram positivo para COVID-19. Os funcionários são de diversas áreas como corpo médico, enfermaria, limpeza, recepção e manutenção. 

Segundo a assessoria do Hospital Sírio-Libanês 104 funcionários foram afastado imediatamente depois que testaram positivo para COVID-19. Os funcionários são de diversas áreas como corpo médico, enfermaria, limpeza, recepção e manutenção.

O médico Raul Cutait, um dos mais qualificados do corpo clínico, foi entubado e está internado eme estado grave na UTI. Ele ganhou notoriedade por ter tratado os ex-presidentes Luís Inácio Lula da Silva, Michel Temer e Dilma Rousseff.

A cidade de São Paulo possui 1.451 casos positivos e 98 mortes do COVID-19, segundo último boletim divulgado no dia 29 de março.

O Hospital Sírio-Libanês é um complexo hospitalar brasileiro com sede na cidade de São Paulo e atuação também em Brasília. Concebido em 1921 e fundado em 1965, é considerado um dos mais importantes centros médicos da América Latina.

 

Sobre teste de medicamentos experimentais para combater o coronavírus:

Hidroxicloroquina apresenta bons resultados contra o coronavírus

Terapia combinada de hidroxicloroquina e azitromicina no tratamento do COVID-19

 - Sobre o uso do Ibuprofeno, Cortisona e Tiazolidinediona em infecções por Coronavírus

Takeda está desenvolvendo terapia derivada do plasma para o coronavírus

Favipiravir demonstra eficácia no tratamento do Coronavírus

Mefloquina é testada na Rússia no tratamento do COVID-19 

Medicamento Interferon alfa 2b é testado por Cuba e China contra o Coronavírus